A importância da independência para o psicológico das pessoas com deficiência

09.05.2019

Alcançar uma maior independência para realizar as atividades rotineiras é fundamental para o desenvolvimento físico e psicológico da pessoa com deficiência.

Alcançar uma maior independência para realizar as atividades rotineiras é fundamental para o desenvolvimento físico e psicológico da pessoa com deficiência. Contudo, apesar dessa importância, a questão esbarra em uma série de dificuldades, como a falta de acessibilidade na maioria dos estabelecimentos comerciais, a pouca oferta de vagas no mercado de trabalho, e também um grande comprometimento da mobilidade urbana.

Apesar disso, sempre existem ações possíveis para elevar o grau de autonomia e a sensação de pertencimento das pessoas com deficiência no meio em que vive.

Os familiares e amigos são fundamentais para que essa maior independência seja possível, já que oferecem não apenas suporte emocional, mas também podem contribuir para o maior estímulo à exploração de habilidades.

Quando uma pessoa com deficiência consegue ter maior consciência de suas próprias escolhas, e tem ações autônomas diante do seu dia a dia, os avanços psicológicos são evidentes como a auto percepção, a elevação da autoestima e a automotivação elevadas.

Como a família e amigos podem ajudar?

É fundamental que a família auxilie a pessoa com deficiência a conquistar essa maior liberdade, através de incentivos emocionais para que ela reconheça suas capacidades e se motive a buscar melhorias.

Incluir essa pessoa em passeios, viagens, permitir que ela decida sua rotina e busque realizar atividades comuns a todos são formas de incentivar essa independência. É preciso apenas adequar as necessidades da pessoa com deficiência às dificuldades apresentadas, como utilizar transporte adaptado para cadeiras de rodas e buscar lugares acessíveis.

Uma das formas mais efetivas de alcançar a independência é através da conquista de um trabalho digno. Desde 1991 as empresas são obrigadas a manterem em seu quadro de funcionários um percentual de pessoas com deficiência, dependendo do número de funcionários.

Embora o número de vagas ainda seja insuficiente, esse é um importante incentivo para que as pessoas invistam no seu aprimoramento profissional, tanto em cursos técnicos de menor duração, quanto em graduações nas mais diversas áreas.

A tecnologia contribui para o aumento da acessibilidade

Hoje a tecnologia também contribui bastante para uma maior independência da pessoa com deficiência, gerando maior conforto e segurança, ampliando seus limites e possibilidades de vivências interessantes.

Além disso a internet também se mostra uma ótima oportunidade de buscar trabalho, já que esse meio oferece muitas opções em home office.

Os avanços tecnológicos também contribuíram para a evolução das cadeiras de rodas que hoje já podem ser encontradas em diferentes modelos, que atendem diversos perfis.

É importante escolher um modelo que ofereça opções de montagem do produto, especialmente em relação ao encosto, à largura do assento e ao suporte dos pés.

Esses cuidados permitirão que o modelo se adeque melhor ao biótipo do usuário, o que certamente terá impactos na qualidade de vida e no seu conforto.

Cadeiras motorizadas permitem que a pessoa se desloque com o mínimo de esforço, sendo ideais para pessoas que tiveram seus membros superiores comprometidos, mas também facilitam bastante as atividades do dia a dia que exigem deslocamento maiores.  

Serviços e softwares

Outra forma de promover a melhora expressiva do processo de independência da pessoa com deficiência é utilizar recursos tecnológicos disponíveis que podem contribuir com a maior acessibilidade e também a evitar dificuldades.

  • Mobilidade

Hoje muitos aplicativos de transporte público já conseguem monitorar o tempo de chegada do próximo ônibus e também avisam quais veículos possuem equipamento para transporte de pessoas com deficiência. Dessa forma é mais fácil planejar o deslocamento.

Também existem serviços de mobilidade específicos para o transporte de pessoas com deficiência, como os da Essence Cuidados, que dispõem de veículos adaptados e cuidadores especializados que buscam a pessoa, levam até o local desejado e retornam até a residência com segurança e atenção.

  • Acessibilidade

Utilizar um aplicativo específico que avisa quais estabelecimentos são acessíveis para pessoas com locomoção reduzida pode fazer toda a diferença na vida da pessoa com deficiência.

Esses aplicativos são atualizados pelos próprios usuários e podem contem diversas categorias como restaurantes, diversão, hospedagem, saúde, compras, etc.

Agora você já sabe como é possível e importante que a pessoa com deficiência conquiste sua independência e o máximo de autonomia possível para se manter motivada e participante das interações sociais.

Se você possui um amigo ou familiar com deficiência, contribua com a evolução psicológica dele e o ajude a encontrar formas de se manter ativo e independente apesar das dificuldades.

Aqui na Essence Cuidados, nos preocupamos em oferecer o melhor serviço de transporte e acompanhamento de pessoas com deficiência ou idosos, para contribuir com independência deles gerando aumento na qualidade de vida. Conheça mais em: www.essencecuidados.com.br

Tags:
  • Acessibilidade
  • Direitos da pessoa com deficiência
  • Independência
  • pessoa com deficiência
  • Qualidade de vida
  • superando dificuldades
  • Vencendo dificuldades
  • Vida da Pessoa Com Deficiência

Deixe um comentário

2 comentários em “A importância da independência para o psicológico das pessoas com deficiência”

Deixe uma resposta

O seu comentário será publicado no Facebook.


Voltar